Sobre tingir o cabelo de roxo [ou dicas de quem já sujou muito as mãos com a tinta]

by - sábado, março 02, 2019

Aproveitando que renovei a cor do meu cabelo (e que estou bastante feliz com o resultado), hoje vou te falar um pouco sobre coisas que aprendi nesses vários anos em que tinjo o cabelo com cores fantasia. Eu não sou nenhuma especialista no assunto, mas algumas dicas básicas são sempre um bom ponto de partida para todo mundo, não é mesmo?


Dividi este post em dois momentos, o de tingir e o pós-tintura. Dessa forma consegui contar para você o que gostaria de falar e de forma organizada e tranquila.

A tinta
Quando comecei a tingir meu cabelo com cores fantasia - as cores que não são naturais, como rosa, verde, azul, roxo, laranja, amarelo... -, as pessoas me diziam que eu precisava usar um produto que fosse permanente e que durasse muito. Não faça isso. Já fiz muita coisa que me arrependo no meu cabelo, mas nada supera usar pigmento e tinta permanente - a permanente eu consegui descolorir e lidei com o problema mais fácil do que esperava, mas o pigmento que uma cabeleireira misturou no meu tonalizante em 2017 ficou no meu cabelo por meses e demorou muito tempo e alguns milagres para conseguir tirar (o que me levou a desistir de ir descolorir+tingir meu cabelo em salões daqui da minha cidade).

As tintas permanentes são, geralmente, fortes e te colocam em um caminho quase sem volta. Usar tonalizantes ou tintas semi-permanentes são, ao meu ver, a melhor escolha para manter nossos fios bonitos porque possuem ingredientes que agridem menos o cabelo (e vários tonalizantes não possuem amônia) - e você sabe que o cabelo pode ficar ressecado e fraco no processo inteiro, não é mesmo?

Quando você for tingir, não esqueça de ler com calma as instruções do tonalizante e usar luvas. Parece exagero, mas as tintas possuem a misteriosa capacidade de conseguir tingir tudo o que passar em sua frente e lados num rastro de dois quilômetros - mesas, cadeiras, camas, paredes, estantes, espelhos, tudo pode ser um alvo fácil enquanto você tinge (nem preciso falar do chão, não é mesmo?). Quando você for enxaguar o cabelo para tirar o excesso do tonalizante, não se assuste com o quanto de tinta sai e lave bem. Mesmo que pareça que você assassinou um Smurf no seu banheiro quando desligar o chuveiro.


Gosto muito do tonalizante Keraton Hard Colors, os tons disponíveis são bonitos e possuem boa durabilidade no cabelo e, o mais importante, sua fórmula não possuir amônia - o que é ideal para o meu cabelo com progressiva. Tenho usado o tom de roxo Ultra Violet desse tonalizante há muito tempo e estou bem satisfeita com os resultados - os tons que o meu cabelo adquire quando começa a desbotar ficam bem legais, também.

Eu sei que você sabe, mas vamos relembrar: antes de passar qualquer cor divertida nos seus fios, é preciso descolorir toda a parte que você quer tingir até a atingir, pelo menos, um tom de loiro palha. O processo de descoloração, se feito de qualquer jeito, deixa o cabelo super ressecado. Sempre que vou tingir meu cabelo preciso descolorir novamente, então tiro dois dias para fazer tudo. No primeiro dia descoloro as mechas que pretendo tingir. Não gosto de secar o cabelo descolorido e já ir tingir, por isso seco o cabelo e tinjo no dia seguinte.

Depois de tingir
Então você descoloriu seu cabelo, passou o tonalizante, enxaguou, secou e o seu cabelo está com uma cor linda, mas muito ressecado? Não entre em pânico. Encontre produtos que se aliem ao tonalizante e hidrate bastante o seu cabelo.

Uma das coisas que mais me preocupam no que diz respeito ao meu cabelo é sua saúde. Encontre uma linha de shampoo, condicionador, leave-in, etc. etc. etc. que não atue contra a tintura/tonalizante que você está usando. Se você tingiu o cabelo, não vai usar um shampoo que clareia os fios, não é mesmo? É preciso usar produtos que sejam >>aliados<< do seu cabelo: se você tingiu ou fez algum procedimento químico, use produtos que ajudem a fortalecer, hidratar ou ajudar no que foi feito nas suas mechas.

Por exemplo, tenho usado os produtos da linha Meu Liso da Salon Line e gosto muito dos resultados que estou vendo no meu cabelo - nessa linha temos produtos para cabelos lisos naturais, alisados ou relaxados e pós progressiva (que é o que estou usando no momento), mas também para dar brilho e maciez. É tudo uma questão de "ir" testando o que funciona para você, e se antes você usava algum produto que não possui mais o resultado esperando, não tenha medo de mudar.


Demorou muito, mas aprendi que a hidratação é mais do que essencial quando tingimos nossos fios. Faço hidratação profunda no cabelo uma vez por mês (senão meu cabelo fica parecendo um punhado de palha com a alta frequência de descolorir+tingir), mas ao longo dos trinta dias faço outras hidratações, "mais leves", para dar uma força aos fios. No começo, quando comecei a descolorir o cabelo, meus fios ficavam extremamente ressecados e só ficavam razoavelmente decentes quando usava óleos hidratantes misturados aos cremes condicionadores. Hoje, para o meu cabelo ficar sedoso e com brilho, manter um cronograma de hidratação é essencial.

Resumindo:
1. escolha uma tinta que não agrida o seu cabelo
2. encontre produtos que não trabalhem contra o tonalizante
3. hidrate os seus fios regularmente

Espero que este post te ajude em alguma medida. Se você tiver alguma dúvida, estou sempre disponível para conversar e ajudar no que puder - como disse antes, não sou especialista, mas fui aprendendo uma coisa ou outra ao longo dos anos.

PS.: este não é um publipost.

Até breve! 

You May Also Like

0 comentários

Muito obrigada por passar no Doki Doki! A sua visita é super importante para mim. Me conte, gostou de alguma coisa no post? Não gostou? Me ajude a produzir conteúdos cada vez melhores, a sua opinião é muito importante.