Resoluções para este ano

Este é o primeiro post do ano e me parece justo compartilhar com você algumas das resoluções que guiarão o meu ano - tanto aqui no blog como nas outras esferas da minha vida. São coisas bem simples, mas que em algum momento do ano passado parei de prestar atenção e deixei se perderem pelo meio do caminho (reencontrei em algum momento depois, mas ainda é essencial manter todo o tempo).

imagem: Plush Design Studio | Unsplash

Cuidar do meu cabelo
Se você me acompanha no instagram ou no twitter sabe que vivo descolorindo meu cabelo e tingindo de roxo, rosa e afins. No último ano passei vários meses tonalizando com castanho porque sentia muita falta da minha cor natural (e fiquei um pouco chateada/traumatizada depois de tirar a foto para a via nova do RG com o cabelo verde), mas no final voltei para a sequência descolorir + tonalizar com roxo - que eu amo, apesar de tudo.

Como além de descolorir faço escova, hidratar os fios sempre esteve presente na minha rotina, mas de uns tempos para cá percebi que estava fazendo da forma errada. Agora com os cremes certos (estou usando uma linha da Salon Line para cabelos lisos que é di-vi-na) estou aprendendo a passar um tempo de qualidade cuidando de verdade e profundamente dos fios e a gostar dos meus fios até mesmo nos dias ruins. Para este ano quero continuar cuidando da saúde do meu cabelo e intensificar nos tratamentos para fortalecimento - quero tirar essa opacidade que ele tem.

Ter tempo para respirar
"Ai mas nós nem percebemos que estamos respirando..." Nós não percebemos que respiramos, mas quero conseguir tirar um tempo de qualidade para me notar todos os dias. Só escutando o que o meu corpo tiver para falar, ouvindo minha respiração, percebendo como o ar entra nos meus pulmões, sentindo o caminho que ele faz dentro de mim.

Isso não quer dizer que farei meditação todos os dias ou que ficarei quieta sempre, mas que até mesmo quando estiver cuidando do meu cabelo, da minha pele ou qualquer outra coisa, eu seja capaz de prestar (realmente) atenção no funcionamento do meu corpo. Quero encontrar meu equilíbrio de novo, sem depender de ninguém, apenas de mim mesma.

Me preocupar menos com o tamanho da minha lista de leitura
Acho que essa é uma preocupação que toda blogueira literária tem - quantos livros estão na pilha de leitura de parcerias, quantas resenhas de livros estão dentro do prazo...

Nos últimos anos parei de ficar enlouquecida correndo atrás de parceiras (por uma série de razões que não vêm ao caso) e me dediquei a ser uma boa parceira com as editoras/empresas que já estavam comigo há algum tempo e que confiaram no meu trabalho. Isso fez com que diminuísse a minha ansiedade em relação aos posts que escreveria aqui no blog, mas não aliviou a ansiedade em ver a pilha de próximas leituras diminuir.

Este é um ano muito importante para mim (e muitos planos para o meu futuro profissional dependem de coisas que farei nos próximos meses) e isso me fez perceber que preciso aprender a não ficar ansiosa com cada detalhe da minha vida - e a preocupação com a pilha de leitura é a primeira que preciso trabalhar. Quero entranhar em mim, de uma vez por todas, que o meu ritmo de leitura não precisa ser exaustivo a ponto de me fazer perder a vontade de ler e que não preciso publicar três resenhas por semana.


E você, fez alguma resolução para este novo ano que se inicia? Me conte!

Até breve! 

0 comentários:

Postar um comentário

Muito obrigada por passar no Doki Doki! A sua visita é super importante para mim. Me conte, gostou de alguma coisa no post? Não gostou? Me ajude a produzir conteúdos cada vez melhores, a sua opinião é muito importante.

My Instagram