quarta-feira, março 21, 2018

3 motivos para assistir A Korean Odyssey

Eu acho que não sofria de tanta ansiedade como sofri com esse dorama em MESES. E foi bom. Realmente foi bom sofrer de ansiedade por uma história. E é justamente por isso que voltei aos posts com motivos para você assistir um drama. Mas, first things first... vejamos a sinopse dessa história.


Jin Sun Mi (Oh Yeon Seo) é a CEO (diretora executiva) de uma imobiliária de sucesso e tem a habilidade de exorcizar demônios de propriedades azaradas. Mas para os demônios que vivem na Terra, ela é conhecida como Sam Jang, aquela que possui um aroma irresistível de flor de lótus e que pode dar enormes poderes a qualquer um que devorá-la.

Quando Sun Mi era criança, Son Oh Gong (Lee Seung Gi), uma divindade encrenqueira, fez com que ela o libertasse do castelo onde ele era mantido prisioneiro, fazendo um contrato que dizia que ele sempre apareceria e a protegeria quando ela chamasse pelo seu nome. Mas ele a enganou, roubando a memória dela que continha o seu nome. Nos dias atuais, Son Oh Gong vive às custas de Woo Hwi (Cha Seung Won), uma outra divindade conhecida como Woo Ma Wang, que trabalha como CEO de uma empresa de entretenimento e que gosta muito mais de fama e de adoração do que algumas celebridades de sua empresa.

Son Oh Gong tem a intenção de encontrar Sam Jang para poder devorá-la e se tornar o deus mais poderoso. Seu amigo, a celebridade P.K. (Lee Hong Ki), quer apenas um pedaço da Sam Jang. Song Oh Gong descobre que Sun Mi é Sam Jang, e no começo ele a protege dos ataques dos outros demônios para guardá-la para si mesmo. Mas com a ajuda de Ma Wang, conseguirá Sun Mi encontrar uma maneira de forçar Son Oh Gong a protegê-la?

"Hwayugi" (ou Hwayuki ou A Korean Odyssey) é uma série dramática sul-coreana de 2017-2018 dirigida por Park Hong Kyun. O drama é uma releitura do romance clássico chinês "Jornada para o Ocidente" e o roteiro é escrito por Jong Jung Eun e Hong Mi Ran, frequentemente conhecidas como "as irmãs Hong", autoras de muitos dramas de TV de grande sucesso, como "The Greatest Love" (2011), "Big" (2012), "Master's Sun" (2013) e "Warm and Cozy" (2015).

Pela sinopse já sabemos de duas coisas: um, essa é mais uma história cheia de personagens não-tão-bons-assim que irão nos encantar e dois, com as irmãs Hong no comando, nosso coração estará na linha de frente várias vezes. Então, por que assistir?

1. Ma Wang

Enquanto assistia semanalmente esse drama, tive a teoria (que faz muito sentido, para mim) de que tudo o que acontece com os personagens é culpa do Ma Wang. É ele quem envia Sun Mi para libertar Soh Oh Gong; é ele quem se intromete em tudo para ter alguma vantagem. é ele quem mexe com as vidas das pessoas como se estivesse jogando xadrez. Também é ele o responsável pelas cenas mais engraçadas de todos os tempos. Ma Wang é um típico personagem manipulador que também é manipulado -- bravo, reclamão, dramático e essencialmente egoísta --, mas é tão bem construído e performado que você fica feliz em ficar sempre alternando entre gostar e odiar.

2. Desenvolvimento dos personagens


Uma coisa que me irrita profundamente em um drama é perceber que depois de vinte episódios os personagens continuam os mesmos -- eu não consigo nem entender nem ver sentido em passar mais de vinte horas acompanhando uma história assim. Por isso não posso deixar de comentar o quanto Soh Oh Gong, em especial, foi desenvolvido ao longo dos vinte episódios desse drama. Suas motivações, seus desejos e anseios claramente mudam aos poucos, mostrando o quanto ele "aprendeu" em sua jornada -- o Oh Gong do final não é o mesmo do começo. E isso ocorre também nos outros personagens em maior ou menor medida -- todos eles passam por situações que os modificam, que os enriquecem como seres.

3. Personagens "secundários"


Hwayugi possui uma quantidade assustadora de personagens segundários de qualidade. O popstar demônio PK, a Secretária Ma, a "zumbi" Bu Ja, o General do Inverno, a Fada do Verão... entre muitos outros são personagens bem construídos, com algum tipo de história passada, com desenvolvimento e, em sua maioria, alguma tipo de fechamento. É bastante visível que cada um possui um papel determinante na trama e é gratificante ver que as roteiristas tiveram a preocupação em criar personagens profundos o bastante para enriquecer a trama e conquistar quem está assistindo. Em vários episódios eu estava mais ansiosa para ver alguma cena do PK com a Bu Ja do que qualquer outra coisa.

~em uma nota antes de terminar, esse post foi diferente dos outros porque não falei especificamente sobre os protagonistas e seu entrosamento. Mas que fique registrado que Sun Mi e Oh Gong são ótimos juntos e rendem cenas engraçadas e de partir e aquecer o coração.

Assista no Viki, com legendas em português, clicando aqui.


Sobre o final: Se você fizer uma pesquisa rápida ou se abrir os comentários na página do dorama no Viki, vai ler vários comentários desgostosos com o final de Hwayugi e por isso, sem soltar nenhum spoiler, vou te falar um pouquinho sobre isso. Hwayuki é um drama adaptado [ou melhor, inspirado] em um livro (bem longo, com vários volumes) que não é um romance, ponto final. Desde o começo é bastante óbvio que apesar de torcermos pelos protagonistase shiparmos muito vários casais, esse não é o foco principal da história. O foco da história é o desenvolvimento, como pessoa, de Soh Oh Gong. Ele, o Macaco, é quem precisa aprender a se importar com mais do que si mesmo. E isso não se perde em nenhum momento da trama. É preciso ter em mente que sim, as irmãs Hong foram muito consistentes nesse ponto mesmo que não tenham agradado tanta gente.


Até breve! 
quarta-feira, março 21, 2018 / by / 27 Comments

27 comentários:

  1. Hey,apesar de ter ficado confusa com tantos nomes rs Gostei da ideia, pois parece ser mais adulto pela profissão da personagem. Porém não estou atrás de assistir algo dramático no momento, mas com certeza vou deixar salvo para mais pra frente.
    Bjs
    Tell me a Book

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooooi! haha siiim, são muitos nomes, demora um pouco para acostumar haha tomara que você possa assistir em algum momento do futuro! :D

      Excluir
  2. Oi Vic!

    Tudo bem? Então, parece ser um dorama realmente bem interessante, mas eu não sou muito uma pessoa que curte doramas, não sei explicar, mas simplesmente não chama a minha atenção, ultimamente tenho assistido séries e filmes com temáticas mais pesadas. Enfim, a dica deve ser legal pra quem curte o gênero.

    Beijinhos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Ah, isso é normal né? tem algumas coisas que a gente não curte mesmo, não importa quantas vezes a gente tente :)

      Excluir
  3. Oiii,

    Nunca assisti um dorama, e pra ser bem sincera nunca nem procurei saber mais sobre o assunto, mas achei muito interessante seus motivos e a sinopse da série em si. Fiquei curiosa para saber se ela vai se lembrar do nome do deus e como ela vai conseguir escapar dos outros que querem devora-lá. O que mais me animou foi saber que a gente acompanha a evolucao dos personagens e que as coisas não ficam paradas na mesma como se não houvesse mais para onde crescer.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Olha, para você que nunca assistiu... esse pode ser um bom para se começar! haha

      Excluir
  4. Menina, eu vivo postergando assistir doramas, tenho pra mim que eu vou amar ou odiar. Mas que bom que pode acompanhar o amadurecimento do personagem, assim como mesmo com a grande quantidade de secundários eles se fazem importantes da trama geral. Vou anotar mais essa dica, vai que um dia desses eu resolva conhecer esse estilo.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha é, tem isso também, você pode gostar muito ou não gostar de jeito nenhuma, mas às vezes a gente precisa assistir alguns para encontrar o gênero que gosta dentro do universo dorameiro... hahaha quem sabe quando/se você começar, não encontra mais uma paixão? haha

      Excluir
  5. Oie!
    Acredita que ainda não cheguei a assistir nenhum dorama ainda?
    Já tenho vários títulos indicados para conferir, mas sempre acabo deixando para depois. Vou anotar mais esse título, e colocar na minha lista de seriados para assistir.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, se você assistir, me conta o que achou! :)

      Excluir
  6. Olá, ótimo o seu post, tô me segurando aqui pra não jogar pro alto tudo o que tenho que fazer e ir correndo assistir. Achei a trama super interessante, com essa coisa de personagem que espanta demônios mas pode ser devorada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, joga tudo e vai correndo assistir que tu vai ficar viciada! rs

      Excluir
  7. Ano passado tive a experiência de ter o primeiro contato com os doramas. Sempre me chamou atenção as produções coreanas, chinesas ou japonesas, sei lá, alguma coisa me atrai. Gostei bastante da dica e concordo com vc sobre o final. Infelizmente as pessoas detonam tudo o que não termina da forma como desejam, esquece de ver todo o contexto. Muito boa essa resenha.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Ai que bom! Os dramas japoneses sao ótimos também - na verdade, os chineses tb. É um mundo bem vasto de produções e tenho certeza de você vai gostar e aprender bastante tmb! ~e sobre o final, é a vida, né? haha

      Excluir
  8. Olá! Que bacana! Nunca vi nenhum dorama, sou mais fã dos animes. Entretanto, acredito que não me decepcionaria de fato. Acredito que eles vão ser tão bons quanto os animes, e expressar tudo daquela maneira meio cômica e exagerada dos animes. Achei esse bastante interessante, ainda mais pelo fato de os personagens serem bem desenvolvidos. Gostei da dica!
    Bjoxx - http://www.stalker-literaria.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Aline! Ai, animes são ótimos também! existem algumas diferenças bastante pontuais nas formas de narrar dos dois, mas alguns estilos se mantem mesmo :)

      Excluir
  9. Esse foi o primeiro dorama que eu vi e foi ele que vez eu entrar na vida de dorameira, eu ri muito, chorei muito, sofri muito, shippei muito, fiz várias teorias de como seria o final e me surpreendi muito com ele, eu acho impossível você ver esse dorama é não chorar no final, e esse e final deixo com um gostinho de quero mais, podia ter um continuação, eu ficaria muito feliz, mas se não tiver gostei bastante do disfarçou também. Gostei muito do seu post, ainda mais por se do meu dorama preferido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, chorei nos eps finais também, foi forte. Eu acho que seria muito interessante haver uma segunda temporada porque ainda há bastante coisa que pode ser explorada, mas há uma série de questões para que isso aconteça...

      Excluir
  10. Um dia eu assistirei um dorama. Quando? Não faço ideia, mas curti este enredo e achei mais maduro que outros que já ouvi falar.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha assista sim, Ivi! esim, esse é o mais maduro que indiquei até agora haha

      Excluir
  11. Oii, não sou muito ligada em cultura oriental e fiquei um pouco confusa com os nomes (acho que é normal, né? haha) mas achei interessante essa história, parece bem divertida. O único problema pra mim, que provavelmente vai me dar uma preguicinha de buscar pra conhecer, é a quantidade de episódios. Gosto de séries mais curtas, não tenho mais tanto tempo pra acompanhar séries mais longas, maaaaaas, vai que nas férias rola? É legal conhecer coisas diferentes.

    https://anneandcia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol!
      Ah, é super normal confundir os nomes haha, demora um pouco para acostumar e tal. É, uma coisa com doramas é que muitos possuem vários eps, é bastante comum variar entre 16 e 20 eps em cada drama. Mas se você assistir nas férias, me conta o que achou!

      Excluir
  12. Oie!
    Nossa achei bem interessante o post e a forma na qual você expôs os motivos para assistirmos o dorama. O mesmo parece ser bem interessante, mas tenho que te confessar que tenho um sério problema com esse tipo de "seriado". Não me dou muito bem com a cultura asiática e por conta disso, acredito que não será muito a minha praia.

    Beijos,
    Mayara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que pena, Mayara =/ masé assim mesmo, tem certas coisas que a gente não gosta mesmo e não adianta forçar :)

      Excluir
  13. Olá, tudo bom?
    Achei a premissa desse dorama super diferente e adorei saber sobre esses vários personagens secundários de qualidade, que só abrilhantam a trama, entretanto, não curto doramas, então acho que a indicação não é para mim. =/ Juro que já tentei assistir alguns, mas simplesmente não funciona sabe?
    Enfim! Apesar do final ter desagradado alguns, parece ser uma excelente pedida para quem curte.
    Curti muito os três motivos para conferir.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Olá! Tudo bom?

    Confesso logo que eu não consigo gostar de Doramas, já tentei ver alguns e simplesmente não me prendeu em nada, não sei o motivo especifico para isso, apenas não me conquistou acredito. Então fico feliz por você ter gostado tanto desse! Confesso que fiquei curiosa sobre o final haha ♥

    um beijo

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem? Apesar de ser muito fã de k-pop e BTS, tenho nervoso de doramas. Nao consigo assistir, acompanhar ou meramente me interessar! Sério mesmo, não consigo. Até tento quando vejo uma indicação muito animada e não rola. Acho que vou passar a dica ou guardar para outro momento da minha vida. Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada por passar no Doki Doki :) A sua visita é muito importante para mim. Gostou de alguma coisa? Não gostou? Me conte! ;)