quarta-feira, janeiro 10, 2018

Listinha de desejados: Janeiro/2018

O ano começou e com ele vários títulos maravilhosos foram ou serão lançados e obviamente eu tenho uma listinha, não tão pequena, de livros desejados. Então separei alguns títulos da minha lista para mostrar para você hoje.


Separei cinco títulos sem enhuma ordem específica, são os que estou realmente ansiosa para conseguir um exemplar porque suas histórias me chamaram muita atenção. Vamos lá?

1. My Plain Jane - Cynthia Hand, Jodi Meadows, Brodi Ashton

Este é segundo livro da série The Lady Janies (a série começou com Minha Lady Jane, que já foi lançado por aqui) e eu tinha completamente me esquecido de que seria lançado neste ano! (!!!)

Você pode pensar que conhece a história. Depois de uma infância miserável, a órfã sem dinheiro Jane Eyre embarca em uma nova vida como governanta em Thornfield Hall. Lá, ela conhece um Sr. Rochester, um homem escuro e ensolarado. Apesar de sua diferença significativa de idade (!) e seu temperamento irregular (!!), eles se apaixonam -- e, leitor, ela se casa com ele. (!!!)
Ou ela...?
Prepare-se para uma aventura de proporções góticas em que tudo não é como parece, certo cavalheiro está escondendo mais esqueletos em seus armários e uma órfã Jane Eyre, a aspirante à autora Charlotte Brontë, e o investigador sobrenatural Alexander Blackwood estão prestes a ser reunidos na mais épica caça ao fantasma desde O Morro dos Ventos Uivantes.

2. Say You'll Remember Me - Katie McGarry

O título desse livro me lembrou um verso de Wildest Dreams da Taylor Swift e ele ficou ecoando na minha cabeça por dias até eu finalmente ir atrás de sua sinopse e descobrir que sim, a trama me chama atenção.

Quando Drix foi condenado por um crime -- um que ele não cometeu -- ele pensou que sua vida tivesse acabado. Mas a oportunidade veio com o Programa de Segunda Chance, o mais novo projeto de estimação do governador para retirar os delinquentes das ruas, reabilitando-os e os colocando de volta à sociedade. Drix sabe que esta é sua chance de colocar sua vida no caminho certo, mesmo que isso signifique ser desfilado na frente dos repórteres por um tempo.
Elle sabe que ela vive uma vida de privilégio. Como filha do governador, ela pode abrir as portas com seu nome. Mas as expectativas e a pressão para ser alguém que ela não é pode ser demais para lidar. Ela quer seguir seu próprio caminho, qualquer que seja.
Quando Drix e Elle se encontram, sua conexão é imediata, mas também são seus problemas. Drix não é o tipo de garoto que os pais de Elle têm em mente para ela, e Elle não é o tipo de garota que pode entender a vida bagunçada de Drix.
Mas às vezes o amor pode violar todas as barreiras.
Lutando contra uma sociedade que não pode imaginá-los juntos, Drix e Elle devem empurrar-se -- Drix para enfrentar a verdade do roubo e Elle para afirmar sua independência -- e uns aos outros para finalmente obter o que merecem.

3. Leah on the Offbeat - Becky Albertalli

Quando a Becky anuncia um livro novo, automaticamente nós colocamos na nossa lista de leitura, não é mesmo?

Leah Burke é uma bateirista em uma banda, mestre de deadpan e melhor amiga de Simon Spier, de Simon contra a agenda homosapiens, ocupa o palco central neste romance de primeiro amor e angústia do último ano do colégio.
Quando se trata de baterias, Leah Burke geralmente está no ritmo, mas a vida real nem sempre é tão rítmica. Uma anomalia em seu grupo de amigos, ela é a única filha de uma mãe jovem e solteira, e sua vida é decididamente menos privilegiada. Ela gosta de desenhar, mas é muito auto-consciente para mostrar. E mesmo que sua mãe saiba que ela é bissexual, ela não reuniu coragem para contar a seus amigos -- nem mesmo o seu BFF abertamente gay, Simon.
Então, Leah realmente não sabe o que fazer quando seu grupo de amigos sólidos começa a fraturar de maneiras inesperadas. Com o baile e a faculdade no horizonte, as tensões estão em alta. É difícil para Leah atingir a nota certa enquanto as pessoas que ela ama estão brigando -- especialmente quando ela percebe que ela pode amar uma delas mais do que jamais quis.

4. To Kill a Kingdom - Alexandra Christo

Essa capa, esse título, esse plot... tudo nessa trama me atraiu e eu preciso desse livro na minha mão logo (mas temos que esperar até março [!!!]).

A princesa Lira é da realeza dos sereios e a mais letal de todas. Com os corações de dezessete príncipes em sua coleção, ela é reverenciada em todo o mar. Até que um giro do destino a obriga a matar um dos seus. Para punir sua filha, a Rainha do Mar transforma Lira na única coisa que eles mais odeiam: um humano. Tirada de sua música, Lira tem até o solstício de inverno para entregar o coração do príncipe Elian à Rainha do Mar ou permanecer humana para sempre.
O oceano é o único lugar que o príncipe Elian chama de casa, embora seja herdeiro do reino mais poderoso do mundo. Caçar sereias é mais do que um passatempo desagradável -- é o chamada dele. Quando ele resgata uma mulher que se afoga no oceano, ela é mais do que ela aparece. Ela promete ajudá-lo a encontrar a chave para destruir todo o povo sereio para sempre... Mas ele pode confiar nela? E a quantos acordos Elian terá de trocar para eliminar o maior inimigo da humanidade?

5. The Astonishing Color of After - Emily X.R. Pan

Eu acho que, desses livros que separei para o post de hoje, esse é o que eu mais quero ler. A história parece ser uma daquelas que mexem com o leitor de formas profundas -- e estou mais do que ansiosa em encontrar uma personagem asiática.

Leigh Chen Sanders é absolutamente certa sobre uma coisa: quando sua mãe morreu por suicídio, ela se transformou em um pássaro.
Leigh, que é meio asiática e meio branca, viaja para Taiwan para conhecer seus avós maternos pela primeira vez. Lá, ela está determinada a encontrar a mãe, o pássaro. Em sua busca, ela acaba perseguindo fantasmas, descobrindo segredos familiares e forjando um novo relacionamento com seus avós. E enquanto ela se aflige, deve tentar reconciliar o fato de que no mesmo dia que beijou seu melhor amigo e paixão secreta de longa data, Axel, sua mãe estava tomando sua própria vida.
Alternando entre real e magia, passado e presente, amizade e romance, esperança e desespero, The Astonishing Color of After é um romance sobre encontrar-se através da história da família, da arte, do sofrimento e do amor.

E então, quais são os lançamentos que você está ansioso para por as mãos?

Até breve! 
quarta-feira, janeiro 10, 2018 / by / 2 Comments

2 comentários:

  1. Bom dia :)
    Que capa é este de "To Kill a Kingdom"??? Muito foda!
    Adorei a sinopse também, desconhecia :(

    Beijos e se cuida, tenha uma excelente semana
    www.rimasdopreto.com

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Suas indicações foram todos novidades pra mim. Eu to querendo muito o A incrível arte de ligar o foda-se. E A longa viagem ao pequeno planeta hostil.
    Beijos

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir

Obrigada por passar no Doki Doki :) A sua visita é muito importante para mim. Gostou de alguma coisa? Não gostou? Me conte! ;)