Doki Livros | Tocando as Estrelas, Rebecca Serle

segunda-feira, junho 29, 2015

Adoro histórias em que os sonhos dos personagens se realizam - e em Tocando as Estrelas é justamente a realização do sonho de Paige (que só queria, mais do que tudo, conseguir uma chance para provar que a história de ser atriz era mais do que apenas uma fase) que desencadeia toda a narrativa. O que é ótimo pois com isso consegui prestar mais atenção nos sentimentos que a personagem desenvolveu ao longo da história.

o livro mais perto
Eu gostei bastante da forma como a autora nos coloca dentro da cabeça de Paige, uma coisa é nos colocarem nos pensamentos dos personagens para criar a ideia de aproximação, outra (que é o que acontece aqui) é nos colocar com o personagem, mas em um lugar privilegiado em que mais do que saber o que ela pensa e sente, sabemos como ela vê o mundo e como ela explica o funcionamento das coisas que conhece (como sua família e seus dois melhores amigos).

Paige é nova e começa a lidar com várias coisas que não estava acostumada quando se torna a protagonista de Locked, uma adaptação literária nas telonas, e passa a conviver com Rainer e Jordan e a sentir alguma coisa pelos dois.

O amor é complicado na trama de Serle.

E ainda nem estou falando sobre o triângulo amoroso. O amor é complicado com a (/na) família dela - sua falta de conversa com a mãe, sua relação com os irmãos... de todos, o que parece ser quem mais apoia Paige em tudo é o pai (e ele é um personagem muito bom, principalmente com a sua mania ao sair do carro). O amor é complicado também com seus melhores amigos, Cassandra e Jake, que começam a namorar enquanto ela estava longe e tudo muda.

O amor é complicado quando se trata de Rainer e Jordan - é mais do que escolher quem namorar, quem gostar mais, quem machucar... Amar os dois envolve carinho, amizade, compreensão e abdicação. É uma visão de amor muito madura - e que faz mais sentido para mim do que muita coisa.

A personagem amadurece bastante no período de gravações. Quando virei a última página me senti feliz por todas as escolhas que ela fez, por todo o caminho que percorreu e até mesmo por toda a dúvida e confusão que sentiu. Tudo isso a levou até àquele momento e a transformou em quem é. - E acompanhar essas "mudanças" ficou ainda mais interessante com Hollywood como plano de fundo.

You Might Also Like

1 comentários

  1. Parece ser um desses livros gostosos de ler.
    Estou esperando meu exemplar chegar! Não vejo a hora de começar a ler!
    Amei a dica
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir

Obrigada por passar no Doki Doki :) A sua visita é muito importante para mim. Gostou de alguma coisa? Não gostou? Me conte! ;)

Editora parceira

Editora parceira

Editora parceira

Editora parceira

Subscribe