[Hot Mess] Amanda Burns

sábado, outubro 29, 2011

Você se lembra de Hot Mess?
Para quem não lembra, Hot Mess era um conto com vários contos que eu postava no meu antigo blog. E hoje me bateu uma saudade dele... então ao invés de postar BYT, vai o primeiro conto de HM :)
Semana que vem eu posto BYT, prometo :D


“Outra noite. Mais uma. E daí? Era a última semana mesmo... I´m falling for you...”
Ninguém se importa se estou bêbada ou não, ninguém vê se minhas unhas estão laranja. “You know what to do...”
E hoje à noite será diferente. Ele estará lá, e verá como não sinto sua falta.
E essa será minha grande mentira.”

Fechei meu diário e me olhei no espelho que ficava ao lado da porta. Sim, está era minha imagem de ‘renascida das cinzas’. Era uma imagem pobre, com skinny e top branco, mas eu estava a ponto de mudar isso.
Estava frio, por isso vesti minhas botas pretas com salto ALTO e uma blusa de mangas compridas. Como outras diriam, eu estava um meio termo. Do que? De anjo e ******. Sim, isso mesmo. Odeio usar essa palavras, mas nesse caso, era verdade.
Jane chegou cinco minutos antes do horário combinado, mas eu estava pronta. O carro estava cheio, mas eu iria na frente, fazer o que? Eu posso. Não sou a Kristen Stewart, mas sou quem ela gostaria de ser. Sou Amanda Burns, uma das Hot Mess, a líder atual das Hot Mess (líder até Isabela voltar, é claro, mas isso não vem ao caso agora).
“You´re Hot... Hot Mess...”
A casa era gigante… e linda. Estava decorada, e quando digo isso, entenda: todos os contos estavam decorados, não haviam dez centímetros sem decoração. Um verdadeiro milagre. Nosso grupo se separou nos primeiros cinco minutos. Eu não me importava, nem sabia quem eram, só me importava com Jane, que era como minha irmã menor, e não deveria beber... muito. Mas ela estava sob os cuidados atenciosos de seu namorado, então eu poderia “dance up on the table” ficar tranquila.
Yeah, you know what to do…”
Vi onde Justin estava no primeiro reconhecimento da festa que fiz, ele estava conversando com um grupo de garotos.
Fui até o DJ e sugeri uma banda... Cobra Starship. Era a nossa banda, quando namorávamos. Sim, eu sou má às vezes. Com a resposta afirmativa do DJ, fui beber alguma coisa. Então vi...
Sahra. A criatura mais “a perigo” que a cidade conhece.
Pronta para atacar, como sempre, ela foi em direção do meu alvo. Mas quando eu começasse, ninguém daria atenção à ela.
Who we are, has brought us here, and I´m not running from tonight.”
Me diverti muito, com Jane e seus desconhecidos, então minha hora chegou. Hot Mess começou a tocar e eu dancei muito mais, dancei de verdade, como fazia quando estava realmente feliz. Ou querendo me vingar. Ou mostrar que EU posso tudo.
O efeito foi instantâneo, se sobraram alguns que não me olhara, quando subi em cima da mesa não sobrou um.
Eu sentia seus olhares e conhecia seus pensamentos, eram sempre os mesmos, mas dessa vez, eu só queria que Justin estivesse olhando. E ele estava, o que me fez dançar mais.

Eu havia atingido meu objetivo, minha cabeça doía por causa da bebida e não havia mais nada para fazer naquela festa. O que fazer então? Simples: ir embora e dormir por doze horas seguidas.
-Por que fez aquilo? –Justin me perguntou quando estava saindo.- Por que...?
-Estava me divertindo, não posso? –sim, eu havia conseguido, ele estava incomodado.- Você deveria se divertir também.
-Meu conceito de diversão é outro. –seus olhos me esquadrinharam e de repente senti minhas faces ficando vermelhas. Só ele conseguia fazer isso.
-Uhn, que pena. –dei de ombros. Tive a intenção de me afastar, mas ele me segurou pelo braço.
-Você continua a mesma.
-Não. –me soltei e saí da casa. Eu não era a mesma. Eu estava mais forte agora, sabia controlar minhas emoções.
Olhei ao redor, procurando algum sinal de um táxi ou qualquer coisa parecida. Não havia nada.
-Amanda! –me virei, Justin estava a poucos passos de distância. Não me movi. Ele chegou mais perto.- Esse é meu conceito de diversão.
Me segurou pela nuca e me beijou como fazia quando começamos a namorar. Meu corpo amoleceu sob seu toque e eu era novamente a garota de antes.
-Você é uma Hot Mess, mas é minha. –ele disse entre meus lábios.
Me levou para casa depois de um tempo.

“Outra noite. Mais uma. Completamente diferente.’I´m falling in Love...” de novo.
Justin se importa se estou bêbada e com as unhas pintadas de laranja. “Where we´re standing is the beggining”
Minha mentira, no fim, não funcionou realmente, mas foi melhor assim. “I´m falling for you...” Acho que tudo voltará ao normal agora.”

You Might Also Like

4 comentários

  1. Eu que agradeço tua atenção, anjinho. ;D
    Um grande beijo para si!

    ResponderExcluir
  2. Apesar de não te conhecido seu outro blog,lhe prabenizo pelo texto *-*

    Beijos e tudo de bom

    ResponderExcluir
  3. Hoje é dia de sorteio lá no blog!

    Quem levará o livro do vampiro mais simpático da net? Confira:



    http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/



    Tem novo sorteio rolando por lá: A galeria Wilson- Recomendo!!!!

    Marli

    ResponderExcluir
  4. Realmente, ela sabe controlar muito bem as emoções dela subindo em cima da mesa para dançar hahaha Mas no fim, foi bem melhor, hein?
    Gostei do conto, me lembro de ter lido um uma vez.
    Bjss

    ResponderExcluir

Obrigada por passar no Doki Doki :) A sua visita é muito importante para mim. Gostou de alguma coisa? Não gostou? Me conte! ;)

Editora parceira

Editora parceira

Editora parceira

Editora parceira

Editora parceira

Subscribe